quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Chatrooms? Não obrigado!

Uma chatrooom, em português “sala de conversação”, é uma aplicação onde se juntam várias pessoas para conversarem. Existem centenas, mesmo milhares de exemplos deste tipo de serviços online. A temática é variada, pode ser de índole generalista, ou destinar-se à discussão de um tema em particular, por exemplo sobre pesca, caça, carros etcoetera. No entanto, existem sempre temáticas mais perigosas, que se desenvolvem em torno do sexo e das suas múltiplas manifestações.
As chatrooms permitem que várias pessoas troquem opiniões por escrito em simultâneo, e em tempo real, um utilizador ao escrever algo na chatroom, verá aparecer essa mensagem no painel, ficando desse modo disponível para todos lerem, os restantes elementos presentes na sala poderão responder da mesma forma. Em algumas chatrooms, é possível enviar mensagens em modo privado, ou seja só o destinatário e emissor sabem o conteúdo da conversação.
É verdade que existem salas de chat com moderadores, é verdade que muitas salas de chat são “patrulhadas” por elementos das polícias criminais e por outro tipo de organizações civis, é verdade que as salas de chat tem regras, mas também é verdade que a grande maioria das salas de chat são completamente anárquicas e desregradas.
Existem muitas chatrooms que são antros de criminosos, burlões e pedófilos principalmente. Explorando a ingenuidade e curiosidade de crianças e adolescentes, conseguem muitas vezes levar a sua avante e cometer crimes, não só de natureza económica, roubo, extorsão e chantagem, como crimes de natureza sexual.
Por isso diga NÃO à utilização das chatrooms, proteste contra a facilidade de acesso desse tipo de aplicações. Envie um email sobre esta questão para a Provedoria de Justiça.

@protejainternet

Nenhum comentário:

Postar um comentário